Queridos visitantes

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Sinto um vazio, estou alegre, insegura, sem saída. Estou andando em círculos e as coisas estão fazendo nenhum sentido. Meus dias andam cinzas e sem nada que me faça ter esperança ou paciência. Me tornei uma pessoa estranha, bem diferente do que costumava ser. Tenho tido meus pensamentos em coisas do passado. Procuro algo que ainda seja meu. Pois nada parece me pertencer. O mundo já não é como era antes. As palavras não tem o mesmo som. De nada vale minhas provas de amor. Parece que seu olhos gritam a verdade, enquanto tua boca tenta me convencer da mentira. Tudo anda se encaixando pouco a pouco é mesmo que agora nada esta tendo a menor graça ou sentido, eu espero que um dia isso tenha um significado, tenha valido a pena todo esse sofrimento, cada lágrima. Eu vejo que não há mais nada a se fazer, a não ser parar de lhe falar as mesmas coisas e sair do seu caminho, da sua vida. Te farei feliz sumindo. E se ler isso, saiba que eu sei de TUDO. Ama ela sim, e eu espero que ela te ame também, pois não quero e nem suportaria te ver sofrer e nem ser tratado como eu fui.

                                 (Você Virou Poema - Bianca Herrero)

Nenhum comentário:

Postar um comentário