Queridos visitantes

sexta-feira, 12 de agosto de 2011


A vida com seus defeitos, cinzas, brancos, estagnações, paradas, frios, silêncios, amenidades. A vida que pode não acelerar o peito e deixar tudo com estrelinhas de purpurina. Mas que é incrível por ser real.” [Tati Bernardi]

Nenhum comentário:

Postar um comentário