Queridos visitantes

sexta-feira, 27 de abril de 2012


Existe gente feliz, claro, mas que também é triste em alguns quesitos, e existe gente triste, mas que é feliz em alguns pontos. Ninguém é somente alguma coisa. Todo mundo é junção!
“Eu não sei se você já se sentiu assim. Querendo dormir por mil anos. Ou simplesmente não existir. Ou apenas não estar ciente de sua existência. Ou algo parecido. Eu acho que querer algo assim é muito mórbido, mas eu acabo tendo esse tipo de desejo quando estou mal. É por isso que estou tentando não pensar. Eu só quero que tudo pare de rodar.”
“E tenho essa carinha de moça inexplicavelmente feliz, mas pra chegar até esse estágio de felicidade mascarada eu precisei cair um milhão de vezes. E chorar, e doer, e doer muito. E precisei fingir segurança e arriscar. Arriscar muito. E hoje ninguém mais me chama de frágil, ninguém mais me chama de pequena. Eu sou intensamente forte, imensamente grande. E eu precisei esfriar o coração, pra conseguir derrubar muralhas gigantescas sem remorso. E hoje eu sei exatamente onde segurar, na hora em que estou prestes a cair.”


segunda-feira, 23 de abril de 2012


Britney Spears, 2007.
Britney Spears, 2003.
“Já tentaram olhar para o sol sem se sentir incomodados? Pois é. Tudo aquilo que reluz demais incomoda as pessoas. Um sorriso verdadeiro, amizades verdadeiras, ser amada pela sua família e andar sempre de bem com você mesma; é isso que incomoda. Pessoas infelizes não suportam ver a felicidade do outro.. Mas que se dane, eu não me importo. Não mais.” Isabela Freitas.

terça-feira, 17 de abril de 2012

sábado, 14 de abril de 2012

“Eu sou daquelas pessoas inseguras que volta pra ver se fechou a torneira, se a porta está trancada, se o fogão está desligado. Eu sempre fui assim, sempre precisei reafirmar minhas certezas - então não me culpe se eu ficar perguntando se você ainda gosta de mim umas dez vezes ao dia. Aceite-me como sou, que eu te aceito como tu és.” Caio Augusto Leite
“Três pedrinhas de gelo no coração. Será que isso é suficiente para a gente começar a sentir menos?” Clarissa Corrêa
Quem cala nem sempre consente. Pode ser só preguiça de discutir idiotices.
“Bate o pé e escolhe, ou vai, ou fica. No meio do caminho a única coisa que você vai conseguir é ser atropelado.” Camila Reis
“Maquiagem bem feita, um cabelo bem arrumado e o coração remendado. Ótimo, ninguém vai suspeitar.” Tati Bernardi
“Nos momentos mais doídos da minha jornada, até aqui eu nunca encontrei nenhum botão mágico, mas tive fé, tive gesto, e, felizmente, tive quem me amasse sem desistir de mim.” Ana Jácomo.
"- Você era mais forte.
- Eu era “mais” tantas coisas.
- Deixou de ser?
- Cansei de ser."
“A paixão é um péssimo autor de novela: mata e ressuscita o protagonista toda hora e ainda quer ter credibilidade.” (Tati Bernardi)
“Igualzinho ao que acontece com todas as pessoas, num trecho ou outro da estrada, eu já senti tanta dor que parecia que os golpes haviam me quebrado toda por dentro. Não sabia se era possível juntar os pedaços, por onde começar, nem se o cansaço me permitiria movimentos na direção de qualquer tentativa. Quando o susto é grande e dói assim, a gente precisa de algum tempo para recuperar o fôlego outra vez. Para voltar a caminhar sem contrair tanto os ombros e a vida. Um espaço para a gente quase se reinventar.” Ana Jácomo

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Muitos te ouvem, mas não te escutam, muitos te veem, mas não te enxergam, muitos estão ao teu lado, mas não sentem a tua presença. Deus te ouve, Deus te vê, e sempre está contigo... Pense nisso!
É hora de deixar ir. Você está segurando em algo, e isso não está fazendo nenhum bem. Às vezes as coisas que você acha que tem que agarrar são na realidade as únicas coisas que estão te segurando. Afrouxe o seu aperto, respire, e deixe-o sair das suas garras. Agora, prepare-se para colher os frutos!
''Cansada de tudo que começa, hoje eu queria alguma coisa que continuasse...'' "Não querendo me ver em situações patéticas e, por uma espécie de contenção, evitando o tom de tragédia, raramente embrulho com papel de presente os meus sentimentos." Clarice Lispector
Difícil encontrar alguém que lhe entenda, quando você não consegue colocar em palavras aquilo que tanto te machuca.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

Olhando daqui, percebo que pessoas e circunstâncias tiveram um propósito maior na minha vida do que muitas vezes, no momento de cada uma, eu soube, pude, aceitei, ler. Parece-me, agora, que cada uma, no seu próprio tempo, do seu próprio modo, veio somar para que eu chegasse até aqui, embora algumas vezes, no calor da emoção da vez, eu tenha me rendido à enganosa impressão de que veio subtrair. A vida tem uma sabedoria que nem sempre alcanço, mas que eu tenho aprendido a respeitar, cada vez com mais fé e liberdade (...) Tudo o que eu vivi me trouxe até aqui e sou grata a tudo, invariavelmente. Curvo meu coração em reverência a todos os mestres, espalhados pelos meus caminhos todos, vestidos de tantos jeitos, algumas vezes disfarçados de dor. Eu mudei muito nos últimos anos, mais até do que já consigo notar, mas ainda não passei a acreditar em acaso.
(Ana Jácomo)
‘’(...) Não sei receber elogios, fico sem saber o que fazer, me atrapalho e acabo trocando de assunto – quando não troco as pernas e tropeço em algum canto de mim. Sorrio para disfarçar desconfortos. Se eu não gosto de você é bem provável que você tenha medo do meu olhar. E eu posso simplesmente não gostar de você de graça. Se eu gostar de você aviso de antemão que você é uma pessoa de sorte. Eu me entrego. Quem vive comigo sabe. Quem convive comigo sente. Eu amo poucos. Mas esses poucos, pode apostar, amo muito.’’ — Clarissa Correa
Marilyn Monroe

06, abril, 2012.

Eu tenho um jeito muito franco. Às vezes falo de um jeito muito forte, a entonação é intensa. Gostaria de ser mais suave, falar mais calmamente, mas acredito, que isso virou uma marca na minha maneira de ser, sempre fui assim: expressiva. Se alguém me pergunta algo, é muito difícil eu não ter uma resposta pra dá.

domingo, 1 de abril de 2012

Eu queria estar feliz. Ou deveria. Está tudo bem. Será que está mesmo? Acho que não. E pra ser sincera, cansei de fingir felicidade. Cansei de acordar todos os dias, mal humorada e estampar um sorriso falso na cara. Sorrir pras pessoas quando minha vontade é mandá-las à merda, sem arrodeios. É que eu simplesmente estou saturada de fingir que está tudo bem quando não está. (Ana Gabrielle Ramos)
Me desliguei um pouco dessa paranóia de ‘o que os outros vão pensar?’ e agir, segundo a minha vontade, segundo aquilo que eu julgo certo, que se danem os outros, afinal quem vai viver o momento sou eu! E dai se eu acordar arrependida? Pelo menos não terei dormido na vontade! E se eu errar? Ah! Arquiva ai como experiência. (Tati Bernardi)
Meu Deus, não me deixe ficar assim sem acreditar em nada. Ou não me deixe de forma alguma querer fingir que acredito.