Queridos visitantes

sábado, 1 de março de 2014

Quem sabe um dia eu não me incomode mais de ficar ao seu lado sem querer te puxar com um beijo. Quem sabe um dia eu pare de ouvir sua voz em todas as bocas, seu cheiro em todo perfume, seu sorriso em todo canto. Quem sabe um dia eu pare de te procurar nas outras pessoas, eu pare de ficar relendo suas antigas mensagens. Quem sabe um dia eu pare de sentir isso. Quem sabe se um dia você vai me ligar pra dizer que sente saudades, e eu não irei atender. Talvez tudo isso passe. Quem sabe, um dia. - Rafael R. Lemos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário